Financiamentos de veículos crescem 88% em maio, diz pesquisa

Por Redação Balcão Automotivo
08/06/2021 17:35:26

 
Dados acumulados deste ano mostram volume de vendas a crédito semelhantes aos registrados em 2019
 
As vendas financiadas de veículos em maio de 2021 somaram 504 mil unidades, entre novos e usados, de acordo com dados da B3. O número, que inclui autos leves, motos e pesados em todo o País, representa aumento de 88% se comparado a maio de 2020, quando os financiamentos de veículos somaram 268 mil unidades. 
 
Os veículos novos tiveram maior destaque no período, com crescimento de 120% se comparado a maio do ano anterior. O aumento se deu principalmente pelo financiamento de motos novas, com alta de 211% em relação ao mesmo mês de 2020. 
 
"Os números apresentados são bastante altos porque em maio do ano passado ainda estávamos no início da pandemia do coronavírus e o mercado de financiamentos de veículos estava em baixa. Se compararmos com abril de 2021, as vendas a crédito registraram aumento de 7,8%" explica Tatiana Masumoto Costa, superintendente de Planejamento da B3. 
 
No último mês, foi observada mais uma vez a tendência de aumento de financiamentos de veículos usados, principalmente para autos leves com maior tempo de uso. Em comparação com maio de 2020, as vendas a crédito de veículos leves entre 9 e 12 anos de uso cresceram 104% e as de veículos com mais de 12 anos de uso, 140%.
 
Fonte: B3
 
No acumulado de 2021, de janeiro a maio, as vendas financiadas de veículos somaram 2,37 milhões de unidades. Esse volume representa crescimento de 24,4% em relação a 2020 e equivale a 466 mil unidades. O número de 2021 está próximo do registrado em 2019, quando, de janeiro a maio, foram financiados 2,42 milhões de veículos. 
 
A B3 opera o Sistema Nacional de Gravames (SNG), a maior base privada do País, que reúne o cadastro das restrições financeiras de veículos dados como garantia em operações de crédito em todo o Brasil.


Comentários

Seja o primeiro a comentar


Canal Balcão Automotivo

Inscreva-se em nosso canal no YouTube e assista aos nossos vídeos

NOTÍCIAS MAIS LIDAS